Como vender sites? Aprenda agora!

Razões pelas quais vender um site

1) Estou cansado desse setor e quero investir em outro nicho

Por algum motivo você se cansou do que faz diariamente ou do assunto sobre o qual escreve e decidiu investir seu tempo, sabedoria e dinheiro em outro projeto. Que melhor maneira de obter financiamento para esse novo projeto?

2) Consegui um emprego em uma boa empresa e não tenho mais tempo

Este é um dos motivos mais comuns. E por incrível que pareça, as pessoas começam a trabalhar para terceiros e esquecem do seu projeto. Um site lucrativo que depois de alguns meses deixará de ser lucrativo porque não há conteúdo novo e as visitas começam a diminuir.

Por que não vender seu site se isso acontecer com você? 

3) Sou casado ou meu filho nasceu e meu tempo é limitado

Sim pessoal, isso acontece e conheço muitas pessoas que tiveram que deixar seu projeto web por algum desses motivos. E é normal, no final a família é tudo…

Mas se isso acontecer, não perca todo o trabalho de anos, considere vender seu site.

4) Eu me dedico a criar e vender sites

Conheço muitas pessoas que vivem disso. É possível. Se você quer criar sites e sabe um pouco sobre SEO, não é complicado começar com essa forma de ganhar dinheiro.

Você só precisa encontrar um nicho interessante e passar alguns meses criando conteúdo e fazendo estratégias de SEO, e quando o site for lucrativo, vendê-lo.

5) Aconteceu um imprevisto comigo e preciso do dinheiro agora

Essas coisas não acontecem apenas com os outros, eu lhe garanto. Se você tiver esse azar, pelo menos você tem seu site que pode te dar uma ajuda. Mesmo que seja ruim para você vendê-lo, não se esqueça de que pelo menos ele o ajudou naquele momento ruim de sua vida.

E você sempre pode criar outro site lucrativo.

Como vender sites?

Nos últimos anos, o boom dos blogs para monetizar e ganhar dinheiro conquistou a Internet, mas apenas uma porcentagem (baixa) deles alcançou sucesso.

O que aconteceu? Como efeito dominó, muitos blogs e sites apareceram à venda, já que alguns ‘amadores’ estavam procurando recuperar o investimento feito, mas sem atingir seu objetivo!

Por quê? Porque ninguém compra um site que não gere dinheiro; você deve vender seu site apenas quando ele gera dinheiro, caso contrário, tentar é apenas uma perda de tempo.

Tente fazer com que seu negócio na Internet produza lucros mensais, e quando você já conseguir, e isso for constante, inicie o processo de venda do seu site.

Em seguida, você deve ser astuto para oferecer seu site. Não estou dizendo que você deve mentir ou supervalorizar seu site para obter uma oferta e fechar o negócio. Não, não estou falando sobre isso, mas estou falando de ignorar por um momento a pilha de estatísticas na Web às quais as pessoas costumam dar preferência.

Em vez disso, convido você a destacar os pontos fortes do seu negócio para aqueles interessados em comprá-lo.

Conte a ele sobre o tipo de tráfego que você recebe e de onde ele vem, os visitantes únicos, o valor de cada visitante, as conversões que você recebe, etc. Esse tipo de dados é mais útil para um comprador do que uma série de estatísticas que qualquer pessoa pode facilmente obter na Internet.

Dicas extras que podem ajudar

Venda pacotes completos de presença na web

Hoje não é só a página da web que se vende. Seu serviço também deve abranger a presença nas redes sociais. Por exemplo, você vende o site, mas também diz ao cliente que criará sua página de fãs no Facebook e obterá seguidores. O mesmo para o Instagram.

Venda serviços de Google Ads

Seus clientes, além de ter uma página na web, querem e logicamente precisam aparecer nas primeiras posições do google. De que serviria a página para eles se ninguém a visitasse?

Você deve, portanto, aprender a configurar campanhas de Google Ads e vender este serviço para seus clientes.

A outra maneira é vender o serviço de SEO. Ou seja, o posicionamento nos motores de busca das páginas web. Nesse quesito, comprar backlinks para seus clientes pode ser uma boa ideia para mostrar resultados rápidos.

Aprenda um pouco sobre imagem corporativa

Normalmente as empresas que estão começando e querem comprar ou quem as faz uma página na web, solicitam que também façam logos, slogans, e orientam sobre as cores mais convenientes para o seu negócio. Eles projetam sua imagem corporativa.

Contrate funcionários

A ideia é que o seu negócio se torne uma agência reconhecida. Você não deve passar mais de dois anos sendo o funcionário, deve alcançar rapidamente sua independência financeira.

Quando seus clientes aumentarem e precisarem ainda mais de seus serviços, não diga a eles: “Não posso no momento, tenho muito trabalho esses dias”. O que você deve fazer é contratar outro desenvolvedor de página da web.

Seu negócio deve passar de apenas vender páginas da web para ser uma empresa que desenvolve aplicativos móveis e desenvolve software para empresas de médio e grande porte. 

Não se preocupe, não é você que precisa se tornar um gênio da computação e lidar com códigos confusos todos os dias. 

Contrate designers e programadores para fazer o trabalho, você pode se dedicar a fechar os negócios e cobrar as contas, embora essa tarefa também possa ser delegada. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.